O Ingresso de Capricórnio
um olhar ao início do ano novo

Por Helena Avelar e Luís Ribeiro

Estamos agora a poucas semanas do Ingresso de Capricórnio que marcará os próximos meses. No nosso boletim de Abril passado referimos que: “…o último segmento do ano astrológico (Dezembro 2004 e os primeiros meses de 2005) indica um enfoque especial na governação …”, o que parece ser o caso.
De facto, o novo ano começa com uma grande ênfase nas figuras de liderança do nosso país. O Sol, co-regente do ASC e símbolo de poder, está conjunto ao MC do ingresso. Este foco parece manter-se ao longo de grande parte de 2005 (Janeiro a finais de Setembro), pois o ingresso de Março 2005 apresenta indicadores semelhantes.

A nível económico, este primeiro trimestre traz uma promessa de melhoria, simbolizado pela Lua exaltada em Touro na Casa II (Economia) e em trígono ao Sol no MC. Neste mapa o Sol rege a Casa V, o que sugere aumento da especulação económica. Outro sinal de melhoria é indicado por Vénus, regente da Casa II, em recepção mútua com Júpiter angular.
No entanto, a quadratura de Saturno à Lua preconiza interferência do governo, certamente devido à actual instabilidade governamental. O facto da Lua dispositar Saturno pode minimizar este aspecto mais negativo.
Espera-se portanto um primeiro trimestre com alguns indicadores positivos, mas ainda com reticências.

Copyright © 2004 Helena Avelar e Luis Ribeiro

 


Nenhum artigo, tabela ou texto pode ser reproduzido sem autorização expressa do(s) autor(es)

Copyright © 2000-2004 Helena Avelar e Luis Ribeiro. Todos os direitos reservados